ii Salão de Arte brasileira

Casa Brasil  Liechtenstein 2017

Tema: Sinais do Futuro

vote aqui no seu artista preferido

obras do

2°salão da Casa Brasil Liechtenstein

Tema 2017: sinais do futuro 

 PARA VOCÊ VOTAR.

Escolha sua obra preferida e vote com seu like.  Compartilhe nas redes sociais

para que o seu escolhido tenha mais chances de ganhar. Dia 11 sairá apenas um vencedor online.

  • Facebook Social Icon
cOMO CHEGAR:

Vaduzer Saal

Dr. Grass-Strasse 3

9490 Vaduz

Liechtenstein

Estacionamento gratuito

Dias 3 e 4 de Junho

Criação e Direção 

Salão de Arte Brasileira Casa Brasil em Liechtenstein

Arq. Denise da Cruz

denise@casabrasil.li

www.dacruz.li

"A Organização das Nações Unidas (ONU) declarou 2017 como o Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento."

A resolução reconhece a importância do turismo internacional e particularmente a designação de um ano internacional do turismo sustentável para o desenvolvimento para fomentar o melhor entendimento entre os povos, conduzir a maior conscientização da rica herança de várias civilizações e trazer uma melhor apreciação dos valores inerentes às diferentes culturas, assim contribuindo para fortalecer a paz no mundo”.

A Casa Brasil Liechtenstein considera que esta é uma oportunidade única para que a arte brasileira também contribua sensibilizando a observação dos - SINAIS DO FUTURO - 
Faremos um salão de arte capaz de catalisar e inspirar mudanças positivas. 

Categorias: Pintura, Escultura e Fotografia.

Cultura é também  Arte, Sustentabilidade e Educação, queremos o seu olhar artístico neste salão. A sua expressão artística impressa neste salão é de suma importância. Acreditamos que a arte tem o poder de mobilizar e sensibilizar com sua força expressiva a grande massa.


O tema SINAIS DO FUTURO, está apoiado em três pilares: Sustentabilidade, Educação e Amor. 
Esta exposição vai fazer você refletir, sentir e examinar alguns sinais do futuro. A sua participação é extremamente importante para todos nós, seja como artista ou observador dos SINAIS DO FUTURO. Esperamos vocês lá. Participe desta iniciativa e venha curtir com a gente este importante movimento da Arte Brasileira em Liechtenstein. Vamos curtir juntos a cultura brasileira de vanguarda e mutante.


Direção: Denise Da Cruz Campitelli
Curadoria: Leca Araujo e Maria Dos Anjos Oliveira
Apoio: Angela Oliveira
Projeto: Salão de Arte Brasileira em Liechtenstein: Denise da Cruz e Angela Oliveira
Tema 2017: Denise da Cruz e Athius da Cruz Mendes www.artnatic.com

Curadoras

Maria dos Anjos de Oliveira

  • Facebook Social Icon

CURADORA

Artista Plástica, Curadora e Galerista

São Paulo

mariadosanjos@terra.com.br

Leca Araujo

  • Facebook Social Icon

CURADORA

Artista Pástica e Curadora

Genebra

info@lecaaraujo.com

Angela de Oliveira

  • Facebook Social Icon

APOIO 

Angela de Oliveira: co-fundadora e curadora do 1° Salão de Artes Brasileira Casa Brasil Liechtenstein 2016 - Tema: Triatlon das Artes

inartexpo@gmail.com

2° Salão de arte Brasileira

- Piso Térreo - 290m2

Projeto e Direção

Denise da Cruz

290m2

Salão no Piso Térreo

chamada para o evento

Conhecendo vaduz

Principado de Liechtenstein:

Em alemão: Fürstentum von Liechtenstein, é um minúsculo principado localizado no centro da Europa, encravado nos Alpes entre a Áustria, a leste, e a Suíça a oeste. Pouco mais de 34 mil habitantes moram nos seus 160 km².

A língua falada no país é o alemão, a moeda é o franco suíço.  Vaduz é a  capital do principado, com cerca de 5.000 habitantes. O castelo medieval foi aprimorado nos séculos XVI e XVII.

O povo de Liechtenstein chama sua cidade principal de "Staedtle", ou "Cidadezinha", e seu país de "Laendle", ou "Paisinho". Considerando a dimensão geográfica do país, esses diminutivos são apropriados, mas não poderiam ser mais impróprios se pensarmos na história e na importância de Vaduz como centro financeiro.

O Castelo de Vaduz tem cerca 700 anos e pode ser avistado por vários pontos de Vaduz, já que fica no  topo da colina . Não é aberto a visitação , pois a família real reside lá.

No dia 15 de Agosto, festa nacional do país,  os jardins do castelo é aberto ao público junto com grande festa do país.

O Castelo de Vaduz é o emblema de Liechtenstein e da residência da família real.

O país tem alguns museus de referência como a Colecção dos Príncipes, que inclui obras de Pieter Paul Rúbens, o Museu Nacional de Arte, o Museu de Belas Artes do Liechtenstein (o Kunstmuseum que alberga obras de Jan SteenAnthony van DyckUmberto BoccioniFernando BoteroPaul KleeDalíJohn ConstableSol LeWittMilletPicasso e Francis Picabia e outros) e poucos outros.

Curiosamente, a Escola de Barbizon é a mais popular nas colecções dos museus de arte do estado, com largas representações deste movimento artístico.

Na contemporaneidade, o país dá largos passos a caminho do futuro, algo que é visível nos museus de arte e na arquitectura das próprias instituições. A arte de instalações é relativamente comum na arte contemporânea do Liechtenstein.

Museus:

 

  1. Liechtenstein National Museum (Vaduz) O Museu Nacional do Liechtenstein está alojado num edifício clássico branco que remonta ao início do século XV. Reaberta em 2003, agora tem 42 salas de exibição que exploram a história ea cultura do país e sua capital.
     

  2. Schatzkammer Liechtenstein (Treasure Chamber) (Vaduz)

  3. Das Walsermuseum, Triesenberg (Triesenberg) O museu oferece informações sobre a topografia dos alpes e de Walser em Triesenberg. Ele conta a história da paróquia e costumes local. Artesanato da época, itens de decoração e  esculturas de madeira do artista Rudolf Schädler sel, completa o seu acervo.

  4. FIS-Ski-Museum (Vaduz) Museu do esqui mostra a história do esporte de inverno desde seus primórdios até os dias atuais. 

  5. Kunstmuseum Liechtenstein (Vaduz) Museu de arte de Liechtenstein tem uma das mais antigas e compreensivas coleções privadas da Europa, albergadas num moderno edifício onde funciona o museu. 

  6. Postage Stamp Museum (Vaduz) Museud os selos do Principado de Liechtenstein são parada obrigatória para os filatelistas. 

  7. Hilti art foundation (Vaduz) A coleção da Fundação de Arte Hilti é composta por pinturas e esculturas que datam do final do século XIX até o presente e abrangendo movimentos de arte como o Expressionismo, Cubismo, Surrealismo e Arte Concreta.

    A coleção inclui obras de trabalho notáveis de Gauguin, Picasso, Boccioni, Léger, Kirchner, Miró, Magritte, Arp,       Beckmann, Klee,        Giacometti, Fontana, Dubuffet, Knoebel e Scully, entre outros.

Uma prévia DOS artistas PARTICIPANTES  

Conheça agora quem vai fazer parte do Salão de Arte Brasileira da Casa Brasil

Tema 2017 - SINAIS DO FUTURO.

VADUZ

vaduz, capital de Liechtenstein - seu entorno -

Prévia dos artistas 

 -  em breve, as obras do salão -

Athius da Cruz Mendes
Simone Takeda
Mariah Campolina
JANETE BLOISE
ENIO GODOY
Di Rossi
Celso Lobo
Iza_Leão
Marcia Baldrati Del Nero
Igor Gomes
Luiz de Souza
Alexandre Luiz
Carla Priscila Del Nero
Adriano Xavier
Leila Samadar
Marilene Ropelato
Valeria Totti
Raquel Lima
Paulo Azevedo
Hermano Santos da Boa Morte
Bruno Pellerin
Aurino Jottar
Maria Brasil
Valeria Lamim
Larissa Larapalha
Wagner Ribeiro
André Dzigner
Angela Falconeta
Devaney Claro
Zélia Mendonça
Marià_Mallmann
Sandro Ward
Rosangela vig
Márcia_Prata
Edith Pudles Marchi
Mar Lla
Adriano Bassegio
Elza carvalho
João Machado
Gilberto Martins
Cibele Alves Rodrigues
Diego Mendonça
Renato Donzell
Tati Reis
Marta Spagnol
Mizael Lima
Valquiria Imperiano
Luciana Gomez
Brenno Baessa
Henrique Vieira Filho
Edith Pudles Marchi
Inês Barroso
Maristela Casonatto Pastro
Nio Oliveira
Mara Chiavegatti
Devarnier Hembadoom
Louisa Monteiro
Daniela Pinheiro
Dema Reis
Anoushe Duarte
Carmen Freaza